Voltar   BateristasPT.com > COMUNIDADE PORTUGUESA DE BATERISTAS > Esplanada dos Batucadores (Off Topic)
Página Principal Registar FAQ Membros Calendário Pesquisar Mensagens de Hoje Marcar Fóruns como Lidos

Esplanada dos Batucadores (Off Topic) Aqui, toma-se um copo e troca-se dois dedos de conversa... Conversa geral directa ou indirectamente ligada à bateria e percussão. (Nota: O bom-senso será a regra de ouro, e os assuntos ou temas ofensivos serão removidos e os membros infractores serão punidos.)


Resposta
Opções
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #1
Pepito
 
Membro desde: 3-Jan-2010
Local: Aveiro
Mensagens: 335
Pepito será famoso em brevePepito será famoso em breve
O impacto das nossas compras na economia nacional

Pego nesta mensagem do Pepito que estava offtopic noutro local para abrir este tópico para falarmos do impacto das nossas compras de material na economia nacional, sejam compras internacionais ou nacionais.
(Miguel Martinho)

---------------------------------------------------------------------


Citação:
Mensagem Original de Mario Esteves Ver Mensagem

Parabéns! Bela compra e fico contente por teres contribuido para a nossa tão necessitada economia nacional.
Caro Mário, contribuir para a economia nacional?! Mas desde quando a DrumCraft é nacional? Não tem grande impacto na nossa economia quando compramos material importado, mesmo que sendo comprado a uma empresa nacional! Ou não é assim?

Abraço,

Pepito
__________________
Sou baterista, não sou malabarista!!!

Última edição de Miguel Martinho : Ter, 4 de Outubro de 2011 às 17:42.
Pepito não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #2
Mario Esteves
Aguarda confirmação de email
 
Membro desde: 27-Mai-2010
Local: Porto
Mensagens: 296
Mario Esteves será famoso em breveMario Esteves será famoso em breve
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

Citação:
Mensagem Original de Mario Esteves Ver Mensagem

Parabéns! Bela compra e fico contente por teres contribuido para a nossa tão necessitada economia nacional.

Mario Esteves adicionou o seguinte texto, 15 minutos e 22 segundos depois:

Caro Mário, contribuir para a economia nacional?! Mas desde quando a DrumCraft é nacional? Não tem grande impacto na nossa economia quando compramos material importado, mesmo que sendo comprado a uma empresa nacional! Ou não é assim?

Abraço,

Pepito
Não Pepito. Pelo menos o IVA pagas cá, rodas stocks cá, fomentas a Loja em causa que é portuguesa, gera emprego e paga os seus impostos cá. Se fores a pensar assim, então nós não produzimos nada (ou praticamente nada). Ou seja, o facto de não ser produzido cá não é obstáculo ao fomento da economia nacional, desde que seja vendido cá, pois isso faz com que a moeda circule cá. Ao comprares cá também beneficias o importador português e, como acima já disse, o retalhista português. Claro que tal contribui para o aumento das importações e nós queremos é exportar e isso afecta a nossa balança de transacções. Mas o que temos nós para exportar, salvo raras excepções?

Para exemplificar : quando compraste a tua bateria (de marca estrangeira) ao retalhista cá em Portugal, beneficiaste o Importador da marca, o retalhista (que, por mero acaso são a mesma entidade, mas poderia não o ser), ajudaste a manter postos de trabalho, contribuiste com o IVA, etc,etc. Ajudaste a economia nacional! Se eu mandar vir directamente e como particular uma bateria da TAMTAM ou da Thomann estou a contribuir para a economia dos países de origem da compra que, sendo da UE, implicam a livre circulação de bens (e de pessoas). Ou seja, pagas o IVA do e no país de origem (por, ex. o IVA Espanhol que é tributado logo em Espanha e não em Portugal), contribuis para a economia do país de origem nas várias vertentes que acima mencionei. Já se mandares vir de fora da UE, o IVA, por ex. já é pago cá, pelo que também contribuis para a economia nacional. O mesmo se aplica às batatas, à sardinha, tomate, automóveis, barcos, aviões, o que quiseres.
Claro que, o ideal será comprares produtos portugueses em Portugal. Neste último caso contribuis a 100 % para a economia nacional. Mas, neste último caso, só me estou a recordar das alheiras de Mirandela, das Bananas da Madeira, da pouca música nacional, das baquetas Mission e da cortiça e do vinho do Porto. (Perdoa-me o sarcasmo - não fálo dos galos de barcelos, pois estes já são feitos na China - mas temos o País que merecemos...)
Resumindo, nós somos um País de serviços (Turismo e Restauração, essencialmente e, muito boa gente não sabe, refinamos petróleo (dos outros países) com grande qualidade) e não produzimos nada ou quase nada. Deste modo, é de grande interesse para a economia nacional promover o turismo, por forma a que os estrangeiros venham cá, durmam cá, comam cá, bebam cá, se movimentem cá nos transportes portugueses, e, se possível que comprem produtos portugueses cá.

Espero ter-te esclarecido!

Abraço,

Mário

Última edição de Mario Esteves : Ter, 4 de Outubro de 2011 às 13:44.
Mario Esteves não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #3
Pepito
 
Membro desde: 3-Jan-2010
Local: Aveiro
Mensagens: 335
Pepito será famoso em brevePepito será famoso em breve
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

Citação:
Mensagem Original de Mario Esteves Ver Mensagem
Não Pepito. Pelo menos o IVA pagas cá, rodas stocks cá, fomentas a Loja em causa que é portuguesa, gera emprego e paga os seus impostos cá. Se fores a pensar assim, então nós não produzimos nada (ou praticamente nada). Ou seja, o facto de não ser produzido cá não é obstáculo ao fomento da economia nacional, desde que seja vendido cá, pois isso faz com que a moeda circule cá. Ao comprares cá também beneficias o importador português e, como acima já disse, o retalhista português. Claro que tal contribui para o aumento das importações e nós queremos é exportar e isso afecta a nossa balança de transacções. Mas o que temos nós para exportar, salvo raras excepções?

Para exemplificar : quando compraste a tua bateria (de marca estrangeira) ao retalhista cá em Portugal, beneficiaste o Importador da marca, o retalhista (que, por mero acaso são a mesma entidade, mas poderia não o ser), ajudaste a manter postos de trabalho, contribuiste com o IVA, etc,etc. Ajudaste a economia nacional! Se eu mandar vir directamente e como particular uma bateria da TAMTAM ou da Thomann estou a contribuir para a economia dos países de origem da compra que, sendo da UE, implicam a livre circulação de bens (e de pessoas). Ou seja, pagas o IVA do e no país de origem (por, ex. o IVA Espanhol que é tributado logo em Espanha e não em Portugal), contribuis para a economia do país de origem nas várias vertentes que acima mencionei. Já se mandares vir de fora da UE, o IVA, por ex. já é pago cá, pelo que também contribuis para a economia nacional. O mesmo se aplica às batatas, à sardinha, tomate, automóveis, barcos, aviões, o que quiseres.
Claro que, o ideal será comprares produtos portugueses em Portugal. Neste último caso contribuis a 100 % para a economia nacional. Mas, neste último caso, só me estou a recordar das alheiras de Mirandela, das Bananas da Madeira, da pouca música nacional, das baquetas Mission e da cortiça e do vinho do Porto. (Perdoa-me o sarcasmo - não fálo dos galos de barcelos, pois estes já são feitos na China - mas temos o País que merecemos...)
Resumindo, nós somos um País de serviços (Turismo e Restauração, essencialmente e, muito boa gente não sabe, refinamos petróleo (dos outros países) com grande qualidade) e não produzimos nada ou quase nada. Deste modo, é de grande interesse para a economia nacional promover o turismo, por forma a que os estrangeiros venham cá, durmam cá, comam cá, bebam cá, se movimentem cá nos transportes portugueses, e, se possível que comprem produtos portugueses cá.

Espero ter-te esclarecido!

Abraço,

Mário
Caro Mário,

desculpa a minha insistência, mas acabaste de me dar razão! De facto, espremendo bem a laranja, apenas contribuímos indirectamente para a economia nacional de uma forma fictícia e efémera, pois ao pagarmos o IVA ao importador português, este já pagou o IVA ao estrangeiro quando importou o produto. E o país está na situação que está, precisamente devido a isto que é a brutal diferença na balança comercial. Não quero com isto criticar quem compra lá fora, eu próprio já o fiz! Mas daí a contribuirmos para a economia nacional vai uma grande distância.
É óbvio, que com a globalização, nunca iremos produzir o que os outros produzem a preços competitivos (Chineses por exemplo), mas se comprarmos o que é de facto português, produzido e comercializado em Portugal, aí sim, contribuímos directamente para a economia nacional (Exemplos: Baquetas Missom, Baterias Quest Drums, Zuk Custom Drums, etc).

Portanto, uma empresa portuguesa importadora e/ou retalhista que comercializa produtos estrangeiros, não está a contribuir directamente para a economia nacional, está antes a enfraquecer mais e mais! Nós necessitamos urgentemente de empresas que produzam e comercializem produtos feitos cá em Portugal, e de preferência que vendam muito para o estrangeiro. E tu deste um bom exemplo, que foi o turismo, mas porque não outros sectores? A Missom é exemplo disso, só falta mesmo internacionalizar para poder exportar cada vez mais.

Pepito

Pepito adicionou o seguinte texto, 0 minutos e 44 segundos depois:

Diogo e restantes membros, desculpem este off topic...
__________________
Sou baterista, não sou malabarista!!!

Última edição de Pepito : Ter, 4 de Outubro de 2011 às 14:04. Razão: Mensagem automaticamente fundida/mesclada pelo sistema.
Pepito não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #4
Mario Esteves
Aguarda confirmação de email
 
Membro desde: 27-Mai-2010
Local: Porto
Mensagens: 296
Mario Esteves será famoso em breveMario Esteves será famoso em breve
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

Citação:
Mensagem Original de Pepito Ver Mensagem
Caro Mário,

desculpa a minha insistência, mas acabaste de me dar razão! De facto, espremendo bem a laranja, apenas contribuímos indirectamente para a economia nacional de uma forma fictícia e efémera, pois ao pagarmos o IVA ao importador português, este já pagou o IVA ao estrangeiro quando importou o produto.


Diogo e restantes membros, desculpem este off topic...
Bem, então eu percebi mal, pelo que peço desculpa!

De qualquer modo "isto" funciona assim : Se compras FORA da UE pagas IVA do País de destino (neste caso, Portugal). Se compras NA UE pagas o IVA da origem (ou seja no País onde compras). Como a Drumcraft é importada dos USA, o IVA é pago ao Governo Português quando a mercadoria chega a Portugal. Para simplificar complicadas teorias económicas e físcais, podemos afirmar que o Govermo americano fomenta as exportações deles isentando-as de IVA. Já nós, penalizamos as importações fora da UE obrigando-os a pagar o IVA à chegada. Mas o Pipó, que está no "terreno" saberá melhor que ninguém explicar isto.


E sim, de facto tens razão : Um grande pedido de desculpas pelo valente off-topic!


Abraço,

Mário

Última edição de Mario Esteves : Ter, 4 de Outubro de 2011 às 14:22.
Mario Esteves não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #5
Pepito
 
Membro desde: 3-Jan-2010
Local: Aveiro
Mensagens: 335
Pepito será famoso em brevePepito será famoso em breve
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

Citação:
Mensagem Original de Mario Esteves Ver Mensagem
Bem, então eu percebi mal, pelo que peço desculpa!

De qualquer modo "isto" funciona assim : Se compras FORA da UE pagas IVA do País de destino (neste caso, Portugal). Se compras NA UE pagas o IVA da origem (ou seja no País onde compras). Como a Drumcraft é importada dos USA, o IVA é pago ao Governo Português quando a mercadoria chega a Portugal. Para simplificar complicadas teorias económicas e físcais, podemos afirmar que o Govermo americano fomenta as exportações deles isentando-as de IVA. Já nós, penalizamos as importações fora da UE obrigando-os a pagar o IVA à chegada. Mas o Pipó, que está no "terreno" saberá melhor que ninguém explicar isto.


E sim, de facto tens razão : Um grande pedido de desculpas pelo valente off-topic!


Abraço,

Mário
Não Mário, a DrumCraft é Alemã. Pelo menos é a informação que está no site oficial.

Abraço,

Pepito
__________________
Sou baterista, não sou malabarista!!!
Pepito não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #6
Mario Esteves
Aguarda confirmação de email
 
Membro desde: 27-Mai-2010
Local: Porto
Mensagens: 296
Mario Esteves será famoso em breveMario Esteves será famoso em breve
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

Citação:
Mensagem Original de Pepito Ver Mensagem
Não Mário, a DrumCraft é Alemã. Pelo menos é a informação que está no site oficial.

Abraço,

Pepito
Uppps! Estou a precisar de férias! Tens toda a razão! Assim sendo, tal como dizes, a contribuição é residual. Mas sempre é melhor (para o País, entenda-se, não necessárimante para o consumidor final) do que comprar directamente na Alemanha.

Mário
Mario Esteves não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #7
Pipó
 
Membro desde: 25-Jan-2007
Local: Lisboa
Mensagens: 1.973
Pipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luz
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

Chiii ca ganda confusão meus amigos Pepe e Mário!!!

Simples!! Moi explica:

A marca DrumCraft é uma marca de um dos maiores grupos de instrumentos mundiais, o grupo GEWA.
A Groove It Up é dealer da marca DrumCraft e importa da GEWA.

A GEWA tem uma fábrica DrumCraft na China. A fábrica é apenas DRUMCRAFT e fabrica apenas a marca. Estão lá técnicos alemães no controlo de qualidade e também depois é feito novo controlo na Alemanha quando chega o material.

Quanto ao IVA eu não pago IVA na COMPRA do material à Drumcraft. Porquê? Porque sou uma empresa com um VAT Number ( numero de contribuinte internacional ). Como tal voçês como particulares pagam o IVA correspondente ao país onde estão a comprar e eu não.

O "problema" é que quando eu facturo a bateria para vender ao cliente facturo COM IVA, e esse IVA não é meu!! Tenho de o entregar ao estado. E são 23% PORRA!
Para voçês verem eu paguei de iva ao estado em Agosto 3300euros!!! Isto só relativo às vendas que fiz de produtos importados do trimestre, ou seja, aqui na loja é quase tudo importado...

Quando dizem que ao comprarem na Groove It Up não estão a apoiar a economia nacional, devem estar enganados!!!!!! Eu pago e muito desde IVA, IRC, Taxa social única, etc.
E ao fazer isto não estou a apoiar o país e o estado a ganhar mais dinheiro?? Ou seja:
Estado = Nós

Até posso daqui a uns tempos pensar em alargar espaço, dar emprego a uma ou duas pessoas, etc. e isso não é apoiar-nos?

Por isso continuem a comprar na musicstore, thomman, tam tam, etc e depois digam que este país está uma bosta. Obviamente que há preços que eu e muitos lojistas não conseguimos combater e respeito quem quer comprar mais barato!. Mas isso dos preços em 90% dos casos não é culpa nossa.

E depois de facto a Missom é a unica marca portuguesa ( penso eu ), ligada à bateria, que fabrica desde o zero os seus produtos.

Em breve vão sair aí uma ou duas marcas de baterias portuguesas mas só a marca é portuguesa!! Porque o material vem todo de fora, até uma diz: "Designed in Portugal". Não dizem: "Made in Portugal". É bem diferente... É feito em Taiwan ou China, metem-lhe o selo da marca e vai para o mercado.
Mas ao comprarem, apesar de não ser feito cá, é uma empresa portuguesa que deverá, penso eu, pagar os impostos ao estado desse material e que o enriquece e ajuda.

Abraços!!
Pipó não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #8
Miguel Martinho
 
Membro desde: 3-Abr-2006
Local: Bobadela/Lisboa
Mensagens: 7.215
Miguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luz
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

E mesmo assim a Missom importa as madeiras que usa (não sei se 100%, mas penso que será uma boa parte até a julgar pelo tipo de madeira que usa) - mas neste caso por motivos óbvios!!
__________________
Baquetas BateristasPT-Missom
Miguel Martinho não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #9
Pipó
 
Membro desde: 25-Jan-2007
Local: Lisboa
Mensagens: 1.973
Pipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luzPipó é um glorioso foco de luz
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

Citação:
Mensagem Original de Miguel Martinho Ver Mensagem
E mesmo assim a Missom importa as madeiras que usa (não sei se 100%, mas penso que será uma boa parte até a julgar pelo tipo de madeira que usa) - mas neste caso por motivos óbvios!!
Claro
Pipó não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #10
LEONEL RODRIGUES
 
Membro desde: 5-Jan-2010
Local: Porto
Mensagens: 1.316
LEONEL RODRIGUES é uma jóia em brutoLEONEL RODRIGUES é uma jóia em brutoLEONEL RODRIGUES é uma jóia em brutoLEONEL RODRIGUES é uma jóia em brutoLEONEL RODRIGUES é uma jóia em bruto
Re: O impacto das nossas compras na economia nacional

Mas...há coisas que até dá para ficar a pensar...
Portugal apesar de ser um bocado descapitalizado em materia de recursos naturais, ainda tem algumas coisas e poderia a par de outros desenvolver e criar outros recursos.
Em suma poderia potenciar enormemente dtoda a sua economia.

Em vez disso é melhor andar por aí a mostrar os Ferraris com actrizes de meia-tigela dessas telenovelas dao lado desses "empresários"

Adiante...

Que é que a Suiça produz?............. Chocolate?
E o Luxemburgo?..........Pipocas?
E Andorra?............Candonga?
Lichenstein?..........Moscas?

Todos eles não têm crise e são altamente estáveis......mais ou menos



Abraço
LEONEL RODRIGUES não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 4 de Outubro de 2011   #11
Pepito
 
Membro desde: 3-Jan-2010
Local: Aveiro
Mensagens: 335
Pepito será famoso em brevePepito será famoso em breve
Re: O impacto das nossas compras na economia nacional

Meus amigos,

quando eu disse que ao comprarmos no estrangeiro não estávamos a ajudar a economia nacional, falei numa visão macroeconomica. Vocês estão a analisar a coisa de uma forma microeconomica!
Não quis criticar ninguém por comprarem la fora, quem sou eu para fazer isso, afinal de contas eu também compro! Apenas, respondi ao que o Mario Esteves tinha dito, só isso mesmo.
Abraços,

Pepito
__________________
Sou baterista, não sou malabarista!!!
Pepito não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Dom, 9 de Outubro de 2011   #12
Simao Pedro Sa
 
Membro desde: 8-Jun-2007
Local: famalicao
Mensagens: 494
Simao Pedro Sa é uma jóia em brutoSimao Pedro Sa é uma jóia em brutoSimao Pedro Sa é uma jóia em bruto
Re: O meu kit! Drumcraft 8 Cardiac Burst + Paiste + Missom + Evans! Cheio de fotos!

Citação:
Mensagem Original de Pipó Ver Mensagem
Quanto ao IVA eu não pago IVA na COMPRA do material à Drumcraft. Porquê? Porque sou uma empresa com um VAT Number ( numero de contribuinte internacional ). Como tal voçês como particulares pagam o IVA correspondente ao país onde estão a comprar e eu não.

O "problema" é que quando eu facturo a bateria para vender ao cliente facturo COM IVA, e esse IVA não é meu!! Tenho de o entregar ao estado. E são 23% PORRA!
Para voçês verem eu paguei de iva ao estado em Agosto 3300euros!!! Isto só relativo às vendas que fiz de produtos importados do trimestre, ou seja, aqui na loja é quase tudo importado...

Quando dizem que ao comprarem na Groove It Up não estão a apoiar a economia nacional, devem estar enganados!!!!!! Eu pago e muito desde IVA, IRC, Taxa social única, etc.
E ao fazer isto não estou a apoiar o país e o estado a ganhar mais dinheiro?? Ou seja:
Estado = Nós
Na minha opinião isso é um caso a discutir.. Vistas bem as coisas, se compras sem iva, também podes vender sem iva, certo? Eu pelo menos quando compro alguma coisa, não preciso da factura para nada, basta-me um talão para comprovar a data da compra, para que caso o material venha com defeito poder trocar por um novo, (sim porque se o produto avariar mais tarde, a maioria das marcas (se não todas) dizem que foi mau uso do material), mas continuando.....

Eu arriscava na boa em vender sem factura! E não me venham dizer "ahh é por causa de pessoas assim que o país não vai para a frente" aí eu respondo: Eu pago o IVA para alimentar coisas destas?

http://www.bateristaspt.com/forum/sh...ad.php?t=25265

Vejam só este post! e reparem bem nas duas primeiras mensagens do post!
Devem estar a gozar comigo! é a mesma coisa que estar a dar dinheiro ao meu filho para ele se meter na droga! Anda tudo louco!

Vejam também :http://olho-falcao.com

E depois disto tudo ainda apontam o dedo ao Alberto joão jardim em vez de fazer investigações ao senhor mario soares!
"São os bastardos do continante"
Simao Pedro Sa não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Dom, 9 de Outubro de 2011   #13
Lu Batera
 
Membro desde: 17-Jan-2007
Local: Barcelona
Mensagens: 750
Lu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixe
Re: O impacto das nossas compras na economia nacional

Citação:
Vistas bem as coisas, se compras sem iva, também podes vender sem iva, certo? Eu pelo menos quando compro alguma coisa, não preciso da factura para nada, basta-me um talão para comprovar a data da compra, para que caso o material venha com defeito poder trocar por um novo, (sim porque se o produto avariar mais tarde, a maioria das marcas (se não todas) dizem que foi mau uso do material), mas continuando.....
Não, não pode vender sem IVA porque é contra a lei. E precisas da factura sim: eu trabalho no suporte técnico duma marca e se não tens factura, a tua garantia vale zero.
Enfim, mas se achas que pagar impostos é errado porque se faz mau uso deles, acho que está tudo dito. Espero que nem tu nem ninguém da tua família nunca precise de subsídios, pensões, preços de medicamentos comparticipados. E já agora, que não precisem de usar estradas, nem água canalizada... Enfim, se fizerem algo disso, serão parasitas a comer do que outros pagaram. Um pouco como a Madeira, que é para onde a malta de Portugal enviou muitos dos seus impostos e um certo ladrão se encheu, e aos seus amigos, sem pagar nunca o que devia de volta.
Lu Batera não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Dom, 9 de Outubro de 2011   #14
Simao Pedro Sa
 
Membro desde: 8-Jun-2007
Local: famalicao
Mensagens: 494
Simao Pedro Sa é uma jóia em brutoSimao Pedro Sa é uma jóia em brutoSimao Pedro Sa é uma jóia em bruto
Re: O impacto das nossas compras na economia nacional

Não estou a defender o hoão jardim! ele é tão criminoso como os outros todos! o que eu acho é que os portugueses não lhe podem apontar o dedo, afinal nós fizemos exactamente a mesma coisa do que ele!

ando eu a pagar iva e a fazer descontos para estarem familias inteiras em casa sem trabalhar, achas isso justo? Eu conheço um casal que só de rendimentos e abonos ganha 800 euros mensais, tem 2 filhos, todos têm telemoveis topo de gama, passam a vida no tasco, tem um bom carro, e isto é correcto? eu a pagar para os filhos deste casal se tornarem marginais?
Em vez disso não era melhor dar esses 800 euros(de vareas familias assim) aos combatentes do ultramar que ficaram traumatizados ou deficientes para o resto da vida e o f.d.p. do mario soares deu-lhes um pontapé no cu!?

Quando eu vir o dinheiro a ser bem empregue, pago nem que seja 30% de iva, não me emporto!

Estradas e agua canalizadas? Na trofa fui obrigado a fazer ligação a agua canalizada mesmo tendo poço! e paguei 600 euros, ficas a saber! e estradas vamos falar em estradas, sabes quem pagou o cimento para por na rua de minha casa? foram os habitantes, (7 familias) e não ficou tão barato quanto isso, pois a rua ainda é grande!

E vens-me dizer que precizo de pagar para ter comparticipações do estado? Pago muito todos os meses, e até hoje, o que é que usufrui disso? NADA!

É ilegal? Temos pena! Como já disse antes, se o dinheiro for bem empregue, eu não me emporto de pagar!
Simao Pedro Sa não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Dom, 9 de Outubro de 2011   #15
Lu Batera
 
Membro desde: 17-Jan-2007
Local: Barcelona
Mensagens: 750
Lu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixeLu Batera é mesmo fixe
Re: O impacto das nossas compras na economia nacional

O meu pai pertence à Associação de Deficientes das Forças Armadas e recebeu "pontapés no cu" de muitos mais, não apenas do Mário Soares. É um erro - e até te digo que algo ofensivo - estares a utilizar essa conversa para justificar a desobediência civil.
Não é motivo para deixarmos de saber viver em sociedade, de entender que desempregados devem beneficiar dum subsídio que os permita viver durante um tempo que tentam arranjar trabalho, por exemplo. Que existem injustiças e erros? Sim, e muitos. Mas o caminho não é deixar de contar com o Estado, até porque não deves andar só na estrada da tua rua, e deve dar jeito a quem paga as contas em tua casa que o Estado comparticipe algumas despesas. Provavelmente não precisam de subsídios nem de pensões nem de educação nem de hospitais públicos neste momento, mas o caminho não é abandonar a sociedade. Ou senão, que vão viver num sítio em que não hajam leis nem obrigações, pois se vivem numa sociedade, devem respeitar as suas normas, e se não gostam, têm bom remédio que é ir-se embora.
Voltando ao assunto propriamente dito do tópico: abre uma empresa e não pagues nem cobres IVA. Depois de 6 meses, conta-nos como foi.
Lu Batera não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Dom, 9 de Outubro de 2011   #16
Simao Pedro Sa
 
Membro desde: 8-Jun-2007
Local: famalicao
Mensagens: 494
Simao Pedro Sa é uma jóia em brutoSimao Pedro Sa é uma jóia em brutoSimao Pedro Sa é uma jóia em bruto
Re: O impacto das nossas compras na economia nacional

Como já disse anteriormente: Só pago porque sou obrigado! e não acho justa a forma como se gasta o dinheiro que todos nós descontamos!
E mantenho o que disse!

E quanto aos desempregados, onde há falta de trabalho? não sei mesmo! não sei se sou eu que estou numa terra abensoada, mas aqui há muito trabalho para se fazer! Há algumas empresas a fechar, isso é verdade, mas há outras tantas a abrir! Quem quiser trabalhar, basta ter vontade, alguma coisa arranja de certeza!

Última edição de Simao Pedro Sa : Dom, 9 de Outubro de 2011 às 12:55.
Simao Pedro Sa não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Seg, 10 de Outubro de 2011   #17
JMiguelR
 
Membro desde: 13-Mai-2010
Local: Stª Maria da Feira
Mensagens: 313
JMiguelR tem uma aura espectacular à voltaJMiguelR tem uma aura espectacular à volta
Re: O impacto das nossas compras na economia nacional

E pá não me venham com a treta do IVA a 23%, é muito e não sei quê e entreguei não sei quanto ao estado só em IVA.

Mas quem paga o IVA afinal?:
- O comerciante?
- O cliente final?

É o cliente final, por isso os comerciantes não chorem esse valor. Se fosse preciso e se o IVA fosse inferior vendiam ao mesmo preço.

Se forem comparar o IVA máximo noutros países da UE a diferença não é assim tão grande, tirando o Luxemburgo. E os países nórdicos que dizem ser exemplos a seguir pagam mais ou até igual, vejamos:
-Dinamarca 25%
-Finlândia 23%
-Suécia 25%

Agora quanto aos restantes valores de IVA não sei como são (taxa intermédia e taxa reduzida) nesse países:
-Mas cá supostamente bens essenciais (taxa reduzida) é a 6%
-E a taxa intermédia a 13%

Agora é tudo um pouco relativo.
Discute-se em acabar a taxa intermédia, por um lado acho bem: pelo menos nos casos de restaurantes e alojamento em hotéis e afins. Sim até me podem dizer que é um bem essencial comer, beber e dormir. Mas não precisamos de o fazer num restaurante ou num hotel. Se for na hora de almoço do trabalho para isso é que existe subsídio de alimentação e outras regalias.

Taxa reduzida para ginásios (6%), utilização de máquinas sem que haja recurso a instrutor (pelo menos era o que andava a ser discutido), agora já se fala em aumentar para 23% e mais nada. Acho bem, vai para o ginásio quem tem dinheiro e não é propriamente um bem essencial. Fazer exercício isso talvez já seja, mas para isso têm outras alternativas. Até pode ser a malhar na bateria, ou quem sabe se fossem menos ao ginásio e fizessem mais exercício acompanhados em casa não estavam bem melhor. Mas enfim são opções.

***Se pagamos impostos queremos que estes sejam bem aplicados para o bem da população em geral e não de apenas meia dúzia.

Não podemos apenas exigir, temos de dar algo em troca. Se as coisas não funcionam à que lutar para que elas funcionem. Não é ficando parados que vamos a lado algum.

Não vamos ser peões neste jogo de submissão.
__________________
Murat Diril Cymbals www.muratdiril.com | Distribuidor Alemão www.muratdiril.de

JMiguelR não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Resposta



Opções

Regras
Aqui não podes criar novos assuntos
Aqui não podes responder a mensagens
Aqui não podes colocar anexos
Aqui não podes editar as tuas mensagens

Código vB está Ligado
Smilies estão Ligados
Código [IMG] está Ligado
Código HTML está Desligado
Escolher Fórum

Assuntos Semelhantes
Assunto Autor do Assunto Fórum Respostas Última Mensagem
Como lidarias com um (ou vários) membros homosexuais na tua banda? LEONEL RODRIGUES Esplanada dos Batucadores (Off Topic) 161 Dom, 24 de Junho de 2012 18:43
Divulgação: Site / Loja na internet da Tam Tam Percusion (Sevilha) aja Salas de Ensaio, de Concerto, Estúdios e LOJAS 24 Sex, 14 de Outubro de 2011 18:54
Concerto dos Xutos e Pontapés na Queima das Fitas de Famalicão Tinoco Concertos, Exposições e Eventos (geral) 19 Qui, 14 de Abril de 2011 10:15
Qual o valor a pagar pelos portes nas compras feitas na loja alemã Musicstore? carlos tavares Salas de Ensaio, de Concerto, Estúdios e LOJAS 47 Sáb, 1 de Maio de 2010 23:12
'Auscultadores' redutores de ruído - Uma das minhas melhores compras! xano Hardware, Acessórios e Equipamentos 67 Sáb, 19 de Dezembro de 2009 13:14



São agora 08:49. (horário GMT +1)


Design by: vithorius
Copyright ©2001 - 2018, Fórum BateristasPT.com
Powered by vBulletin®
Copyright ©2000 - 2018, Jelsoft Enterprises Ltd.
Gravatar as Default Avatar by 1e2.it