Voltar   BateristasPT.com > MATERIAL E EQUIPAMENTOS > Hardware, Acessórios e Equipamentos
Página Principal Registar FAQ Membros Calendário Pesquisar Mensagens de Hoje Marcar Fóruns como Lidos

Hardware, Acessórios e Equipamentos Tudo sobre pedais, suportes e tripés, racks, peles, baquetas, etc


Resposta
Opções
Não lido Qui, 12 de Junho de 2014   #1
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Que tipo de pedal (principalmente duplo) devo adquirir para evoluir? Peço opiniões.

Pois é, estou seriamente a pensar adquirir um pedal novo...
Estou mais virado para um pedal duplo, para tentar evoluir tecnicamente, explorar outros ritmos, e tentar tocar algo de metal que eu adoro.

Tenho um Platin, duplo, mas nunca consegui tocar nada de jeito (com o duplo) e apercebi-me que o problema é mesmo do pedal...

Aqui à dias experimentei este: http://www.thomann.de/pt/pearl_p_932...drum_pedal.htm

Gostei muito, até consegui fazer umas brincadeiras com ele.
Acham que é uma boa opção? O que acham de ser de corrente simples?

Acham que poderia haver outras opções igualmente boas ou melhores até 300€?

Obrigado pela ajuda.

Miguel Serra
__________________
"Que a música vos companhe!"

Última edição de serrinha : Qui, 12 de Junho de 2014 às 00:57.
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Qui, 12 de Junho de 2014   #2
shurtugal
 
Membro desde: 25-Jan-2009
Local: OAZ/Coimbra
Mensagens: 668
shurtugal é uma jóia em brutoshurtugal é uma jóia em brutoshurtugal é uma jóia em brutoshurtugal é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Boas!

Serrinha, o problema é mesmo do pedal? Explica isso.

Quanto ao pedal que mencionaste, eu se fosse a ti, por esse preço, apostava num Gibraltar. Eu tenho um Avenger à alguns anos e está impecável, mesmo depois de bastante utilização! É material de guerra.
Não estou a descredibilizar a Pearl (até porque tenho um Demon Drive e é simplesmente o melhor pedal construído - pelo menos para mim), mas não me parece que esse pedal ofereça segurança. Primeiro eu escolheria algo de correia dupla, ou direct drive. O look pode ser apelativo, mas a nível de qualidade parece que deixa a desejar...
Mas lá está, nunca toquei com nenhum...
Abraço
__________________
Live to drum. . .
. . . drum to live
shurtugal não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Qui, 12 de Junho de 2014   #3
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Citação:
Mensagem Original de shurtugal Ver Mensagem
Boas!

Serrinha, o problema é mesmo do pedal? Explica isso.

Quanto ao pedal que mencionaste, eu se fosse a ti, por esse preço, apostava num Gibraltar. Eu tenho um Avenger à alguns anos e está impecável, mesmo depois de bastante utilização! É material de guerra.
Não estou a descredibilizar a Pearl (até porque tenho um Demon Drive e é simplesmente o melhor pedal construído - pelo menos para mim), mas não me parece que esse pedal ofereça segurança. Primeiro eu escolheria algo de correia dupla, ou direct drive. O look pode ser apelativo, mas a nível de qualidade parece que deixa a desejar...
Mas lá está, nunca toquei com nenhum...
Abraço
Quando digo o problema é mesmo do pedal, é que nunca consegui fazer nada com ele, nunca consegui equilibrar os dois. E com esse tive outra sensação completamente diferente, conseguindo até fazer alguns fils e assim.

Além disso o pedal já tem algum tempo e já está cheio de folgas... nem como simples me dá para os gastos....

Achas que ganho com um direct drive? Como por exemplo este :http://www.thomann.de/pt/gibraltar_i...oppelpedal.htm ?
__________________
"Que a música vos companhe!"
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Qui, 12 de Junho de 2014   #4
Ricardo Fernandes
 
Membro desde: 25-Jul-2006
Local: Braga
Mensagens: 87
Ricardo Fernandes está no bom caminho
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

boas...

Ao comprares um pedal... antes de comprares experimenta, pois á uma serie de pedais bons a preços razoáveis. Mas o que para mim pode ser o ideal para tocar para ti pode não ser...
Quanto aos pedais que falas-te eu optava pela Gibraltar.
Ricardo Fernandes não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Qui, 12 de Junho de 2014   #5
Sixxen
 
Membro desde: 19-Set-2010
Local: Lisboa e Castelo Branco
Mensagens: 728
Sixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Boas,

O pedal da Pearl não me parece o mais indicado. Apesar das afinações possíveis não deve ter uma pancada muito sólida, e nem deve dar para obter um bom feeling. Digo isto porque além de ser a imitação de um muito mais dispendioso, tem apenas corrente única. O que faz dele um pedal realmente menos equilibrado e menos firme.
E visto que é para investir num pedal duplo sólido não aconselho.

Quando ao Gibraltar Intruder, já ouvi grandes elogios. É um pedal de guerra e que vale realmente o que custa.

Mas parece-me que ainda tens de pesquisar bastante, pois apresentaste dois pedais com valores e características completamente diferentes.

Abraço
__________________
Sabendo-se sonhar com Música, acorda-se como Músico.
Sixxen não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Qui, 12 de Junho de 2014   #6
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Sim, ainda estou a fazer um levantamento de hipóteses...

Sei que deveria experimentar, e faço intenções disso. Mas como o tempo não o permite e não tenho lojas de musica perto, primeiro quero recolher o máximo de informação possível para depois, quando for possível, experimentar.

Falei no da pearl simplesmente porque o experimentei... mais nada...
__________________
"Que a música vos companhe!"
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Sex, 13 de Junho de 2014   #7
Sixxen
 
Membro desde: 19-Set-2010
Local: Lisboa e Castelo Branco
Mensagens: 728
Sixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em bruto
Gosto Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Citação:
Mensagem Original de serrinha Ver Mensagem
Sim, ainda estou a fazer um levantamento de hipóteses...

Sei que deveria experimentar, e faço intenções disso. Mas como o tempo não o permite e não tenho lojas de musica perto, primeiro quero recolher o máximo de informação possível para depois, quando for possível, experimentar.

Falei no da pearl simplesmente porque o experimentei... mais nada...
Claro eu percebi
Mas realmente é difícil escolher uma peça de hardware tão complexa sem ter hipótese de experimentar ao vivo.
Eu quando não tenho mesmo hipótese arrisco. Se não me agradar, sempre posso devolver.
__________________
Sabendo-se sonhar com Música, acorda-se como Músico.
Sixxen não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Sex, 13 de Junho de 2014   #8
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Ora bem, vamos por o assunto por outros termos.

Imaginando esta lista de pedais:

http://www.thomann.de/pt/gibraltar_i...oppelpedal.htm
http://www.thomann.de/pt/gibraltar_6...uble_pedal.htm
http://www.thomann.de/pt/mapex_p800t...uble_pedal.htm
http://www.thomann.de/pt/dw_5002_dou...al_b_stock.htm
http://www.thomann.de/pt/gibraltar_6...uble_pedal.htm
http://www.thomann.de/pt/tama_iron_c...twb_double.htm
http://www.thomann.de/pt/gibraltar_i...oppelpedal.htm
http://www.thomann.de/pt/gibraltar_i...oppelpedal.htm

Qual, ou quais achas que seriam melhor ou melhores escolhas?

Sei que a lista é grande, mas dentro do orçamento estimado, seriam os que mais me chamam a atenção...

Obrigado pela grande ajuda que me estão a dar.
__________________
"Que a música vos companhe!"
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Sex, 13 de Junho de 2014   #9
Ricardo Fernandes
 
Membro desde: 25-Jul-2006
Local: Braga
Mensagens: 87
Ricardo Fernandes está no bom caminho
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Primeiro acho que devias ver se queres direct drive ou de correntes... ou seja tentar experimentar e depois decidir pela marca e respetivo modelo.
Eu tenho um dw 7000 paguei 450 euros á 12/13 anos, tinha pedido um iron cobra mas eles não tinham e impingiram o dw 7000... mas não fiquei mal servido pois adaptei-me bem ao pedal, pois consegui tirar bom partido do que ele tinha para dar... embora agora e após uma paragem de 8 anos sem tocar, estou a sentir muitas dificuldades a me entender com o "bicho". Por isso estou a ver se mudo e estou inclinado para Gibraltar, embora quero ver se consigo experimentar porque comprar ás cegas prefiro não comprar.
Ricardo Fernandes não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Sex, 13 de Junho de 2014   #10
Sixxen
 
Membro desde: 19-Set-2010
Local: Lisboa e Castelo Branco
Mensagens: 728
Sixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em brutoSixxen é uma jóia em bruto
A ler e a pensar... Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Uma ajudinha:

Tracção do pedal:
Há 3 formas utilizadas para a tracção do pedal.
Podemos mencionar: Direct Drive, Chain (corrente simples ou dupla) e Fita.

- Direct Drive:

É o sistema que utiliza a grosso modo uma barra de ferro para unir o batente ao eixo do pedal. É considerado o mais eficaz no que diz respeito à velocidade e sensibilidade. Em geral os pedais direct drive apresentam um ataque um pouco mais fraco do que os pedais de corrente. Como tal, muitos bateristas não conseguem adaptar-se a essa sensação de leveza e falta de 'punch' (pode-se compensar com triggers), no entanto a velocidade adquirida pelo pedal é visivelmente maior.

- Chain (corrente):

Este é o sistema mais utilizado nos pedais. Pode afirmar-se que é encontrado em pelo menos 80% dos pedais usados na actualidade. São utilizadas correntes simples ou duplas. Reza a lenda que a corrente dupla traz mais estabilidade, feeling, além de maior firmeza no pedal.

- Fita:

Os tipos de fitas encontradas nos pedais podem ser de 3 materiais diferentes:
Kevlar, Nylon ou couro. Este tipo de tracção torna o pedal muito silencioso, além de dar uma pequena sensação de leveza e uma ação "flutuante" no pedal. Para os que desconfiam da sua durabilidade, é tão durável e forte como os que usam o sistema de corrente.


Tipos de batentes:
Através dos batentes, pode-se diversificar bastante o som tirado do bombo.
No mercado é possível encontrarem-se batentes com tipos de materiais bastante diferentes. Como é o caso do feltro, plástico, borracha, madeira e metal.

- Feltro:
É o tipo de batente mais comum e utilizado à mais anos. Este tipo de batente proporciona um ataque mais quente e macio no bombo, deixando o som mais "gordo" e "aveludado".

- Plástico:
Batente com corpo rígido. Proporciona um ataque mais firme, tendo como resultado uma sonoridade com mais médios, definição e ataque.
Por vezes resulta também num aumento de frequências agudas apropriando-se de forma geral a estilos mais pesados.

- Borracha:
É ainda incomum e poucos pedais vêem com este batente de fábrica. Por não ser um material totalmente rígido, ele une algumas características do de feltro e do de plástico. Tem um som definido, mas ainda assim grave e com peso.

- Madeira:
O de madeira é basicamente a mesma coisa que o de plástico. Possui as mesmas características, tendo no entanto um visual e peso bastante diferentes.

- Metal:
Dificílimo de encontrar. O único pedal que provavelmente vem com este tipo de batente é o Trick Dominator. Pelo facto de ser também 100% rígido, creio que as características sonoras sejam iguais ou muito parecidas com os de plástico e madeira. Diria talvez que tem mais ataque, e que devido à sua constituição e peso possa oferecer menos durabilidade à pele.


Obs:

- O peso do batente escolhido pode alterar em muito a resposta do pedal. Um pedal com o batente mais pesado perde velocidade, no entanto ganha mais ataque e volume.
Mas também é possível deixar o pedal sem alteração na resposta com um batente diferente:
Se o pedal ficar mais pesado, baixa-se um pouco a posição do batente. Caso fique mais leve, é uma questão de o subir, pois ele assim distribui melhor o seu peso, sem influenciar tanto a resposta do pedal.

- A distância do mesmo em relação à pele também é um grande dilema.
À muito tempo, os bateristas adoptaram uma espécie de "medida padrão" para ter como base neste tipo de ajuste/afinação. São os famosos 45º.
O que acontece é que quanto mais distante o batente estiver da pele, maior será o seu impacto e pressão sonora, no entanto isso pode atrapalhar aqueles que desejam tocar com mais rapidez, pois o pedal ao completar todo o seu curso criará um esforço maior.
Em contrapartida, com o batente muito próximo da pele, o volume sonoro será menor, porém o esforço também será menor.
Desta forma alguns bateristas aproveitam-se deste detalhe para fazer "batota", ou seja, trigam o bombo. Ajustam a sensibilidade para níveis maiores e deixam o batente bem próximo da pele, soando assustadoramente rápido.

- A mola é talvez a principal forma de regular/afinar um pedal. Cada volta dada faz com que a resposta seja consideravelmente alterada. Com a mola mais solta, o pedal perde velocidade, mas em compensação fica mais leve. Com a mola apertada o pedal fica um pouco mais duro e pesado, porém a velocidade é superior.
Geralmente os bateristas que tocam a velocidades mais elevadas utilizam as molas mais apertadas. Mas isto não é regra. Há bastantes variações e normalmente a mais coerente é no meio-termo.

- Em relação à altura do pedal, na maioria dos pedais é possível regular o ângulo.
Geralmente, o pedal numa posição mais elevada vai economizar esforço e é aconselhável aos bateristas que utilizam mais a técnica "heeltoe".
Uma posição mais baixa geralmente é utilizada para quemusufrui mais do movimento generalizado da perna . Mas lá está, nada é uma regra.

- É também muito importante salientar que a durabilidade de um pedal está directamente ligada aos materiais que o constituem.
Estas características costumam demonstrar fraca qualidade:
*Normalmente parece que têem uns "pozinhos" para dar brilho.
*São materiais mais ásperos.
*Têem uma leveza muito estranha.
*Visualmente têem um aspecto mais seco e escuro.
Desaconselho por completo as falsas ligas de metais, e aconselho a verificarem se peças cruciais são constituídas por estes. (Sistema de suporte do/s batente/s; "cams"; elos de ligação etc...)




Penso que estas dicas serão úteis. Tanto na escolha de um pedal, assim como em experiências que possas fazer com o teu pedal actual.

__________________
Sabendo-se sonhar com Música, acorda-se como Músico.

Última edição de Sixxen : Sáb, 21 de Junho de 2014 às 03:40.
Sixxen não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Sex, 13 de Junho de 2014   #11
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Muito obrigado pelo contributo.

No relativo às afinações dos pedais, já tentei de tudo no meu e nada... não me dou mesmo bem com ele... para além de um deles já estar cheio de folgas... chegou memso a altura de o trocar!!

Continuem a deixar as vossas opiniões.

Abraço

Citação:
Mensagem Original de Sixxen Ver Mensagem
Uma ajudinha:

Tracção do pedal:
Há 3 formas utilizadas para a tracção do pedal.
Podemos mencionar: Direct Drive, Chain (corrente simples ou dupla) e Fita.

- Direct Drive:

É o sistema que utiliza a grosso modo uma barra de ferro para unir o batente ao eixo do pedal. É considerado o mais eficaz no que diz respeito à velocidade e sensibilidade. Em geral os pedais direct drive apresentam um ataque um pouco mais fraco do que os pedais de corrente. Como tal, muitos bateristas não conseguem adaptar-se a essa sensação de leveza e falta de 'punch' (pode-se compensar com triggers), no entanto a velocidade adquirida pelo pedal é visivelmente maior.

- Chain (corrente):

Este é o sistema mais utilizado nos pedais. Pode afirmar-se que é encontrado em pelo menos 80% dos pedais usados na actualidade. São utilizadas correntes simples ou duplas. Reza a lenda que a corrente dupla traz mais estabilidade, feeling, além de maior firmeza no pedal.

- Fita:

Os tipos de fitas encontradas nos pedais podem ser de 3 materiais diferentes:
Kevlar, Nylon ou couro. Este tipo de tracção torna o pedal muito silencioso, além de dar uma pequena sensação de leveza e uma ação "flutuante" no pedal. Para os que desconfiam da sua durabilidade, é tão durável e forte como os que usam o sistema de corrente.


Tipos de batentes:
Através dos batentes, pode-se diversificar bastante o som tirado do bombo.
No mercado é possível encontrarem-se batentes com tipos de materiais bastante diferentes. Como é o caso do feltro, plástico, borracha, madeira e metal.

- Feltro:
É o tipo de batente mais comum e utilizado à mais anos. Este tipo de batente proporciona um ataque mais quente e macio no bombo, deixando o som mais "gordo" e "aveludado".

- Plástico:
Batente com corpo rígido. Proporciona um ataque mais firme, tendo como resultado uma sonoridade com mais médios, definição e ataque.
Por vezes resulta também num aumento de frequências agudas apropriando-se de forma geral a estilos mais pesados.

- Borracha:
É ainda incomum e poucos pedais vêem com este batente de fábrica. Por não ser um material totalmente rígido, ele une algumas características do de feltro e do de plástico. Tem um som definido, mas ainda assim grave e com peso.

- Madeira:
O de madeira é basicamente a mesma coisa que o de plástico. Possui as mesmas características, tendo no entanto um visual e peso bastante diferentes.

- Metal:
Dificílimo de encontrar. O único pedal que provavelmente vem com este tipo de batente é o Trick Dominator. Pelo facto de ser também 100% rígido, creio que as características sonoras sejam iguais ou muito parecidas com os de plástico e madeira. Diria talvez que tem mais ataque, e que devido à sua constituição e peso possa oferecer menos durabilidade à pele.


Obs:

- O peso do batente escolhido pode alterar em muito a resposta do pedal. Um pedal com o batente mais pesado perde velocidade, no entanto ganha mais ataque e volume.
Mas também é possível deixar o pedal sem alteração na resposta com um batente diferente:
Se o pedal ficar mais pesado, baixa-se um pouco a posição do batente. Caso fique mais leve, é uma questão de o subir, pois ele assim distribui melhor o seu peso, sem influenciar tanto a resposta do pedal.

- A distância do mesmo em relação à pele também é um grande dilema.
À muito tempo, os bateristas adoptaram uma espécie de "medida padrão" para ter como base neste tipo de ajuste/afinação. São os famosos 45º.
O que acontece é que quanto mais distante o batente estiver da pele, maior será o seu impacto e pressão sonora, no entanto isso pode atrapalhar aqueles que desejam tocar com mais rapidez, pois o pedal ao completar todo o seu curso criará um esforço maior.
Em contrapartida, com o batente muito próximo da pele, o volume sonoro será menor, porém o esforço também será menor.
Desta forma alguns bateristas aproveitam-se deste detalhe para fazer "batota", ou seja, trigam o bombo. Ajustam a sensibilidade para níveis maiores e deixam o batente bem próximo da pele, soando assustadoramente rápido.

- A mola é talvez a principal forma de regular/afinar um pedal. Cada volta dada faz com que a resposta seja consideravelmente alterada. Com a mola mais solta, o pedal perde velocidade, mas em compensação fica mais leve. Com a mola apertada o pedal fica um pouco mais duro e pesado, porém a velocidade é superior.
Geralmente os bateristas que tocam a velocidades mais elevadas utilizam as molas mais apertadas. Mas isto não é regra. Há bastantes variações e normalmente a mais coerente é no meio-termo.

- Em relação à altura do pedal, na maioria dos pedais é possível regular o ângulo.
Geralmente, o pedal numa posição mais elevada vai economizar esforço e é aconselhável aos bateristas que utilizam mais a técnica "heeltoe".
Uma posição mais baixa geralmente é utilizada para quemusufrui mais do movimento generalizado da perna . Mas lá está, nada é uma regra.

- É também muito importante salientar que a durabilidade de um pedal está directamente ligada aos materiais que o constituem.
*Normalmente parece que têem uns "pozinhos" para dar brilho.
*São materiais mais ásperos.
*Têem uma leveza muito estranha.
*Visualmente têem um aspecto mais seco e escuro.
Desaconselho por completo as falsas ligas de metais, e aconselho a verificarem se peças cruciais são constituídas por estes. (Sistema de suporte do/s batente/s; "cams"; elos de ligação etc...)




Penso que estas dicas serão úteis. Tanto na escolha de um pedal, assim como em experiências que possas fazer com o teu pedal actual.

__________________
"Que a música vos companhe!"
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Sex, 13 de Junho de 2014   #12
Ricardo Fernandes
 
Membro desde: 25-Jul-2006
Local: Braga
Mensagens: 87
Ricardo Fernandes está no bom caminho
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

A explicação não podia estar mais completa...
Ricardo Fernandes não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Qua, 18 de Junho de 2014   #13
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Sei que é um tema um tanto ou quanto complicaco. Mas gostava de ter mais opiniões.

Obrigado a todos, e continuem a participar.

Miguel Serra
__________________
"Que a música vos companhe!"
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Qua, 18 de Junho de 2014   #14
Ricardo Fernandes
 
Membro desde: 25-Jul-2006
Local: Braga
Mensagens: 87
Ricardo Fernandes está no bom caminho
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Boas...
Ando a ver pedais, mas já falei com algumas lojas na zona de braga para quando tiverem em stock os modelos que quero experimentar para passar la e experimentar... mas estou inclinado para um de direct drive.
Ricardo Fernandes não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Sex, 20 de Junho de 2014   #15
Miguel Martinho
 
Membro desde: 3-Abr-2006
Local: Bobadela/Lisboa
Mensagens: 7.215
Miguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luz
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Eu já toquei com praticamente todos os tipos de pedal e não vale a pena entrar em detalhes técnicos depois da excelente intervenção do Sixxen.

Relativamente ao direct-drive, apenas uma dica:
O Direct-drive requer um periodo de adaptação maior que os outros tipos. O Direct-drive reaje no momento e o seu rebound é muito mais rápido e forte que qualquer outro tipo de engrenagem, portanto, requer adaptação.

O melhor seria experimentares o direct drive primeiro antes de comprares à toa a pensares que vais ser super rápido, fazer maravilhas com eles porque tal pode não acontecer.

Conheço casos, e até acho que aqui do forum, de bateristas excelentes que não se adaptaram e passado pouco tempo estavam a tentar trocar o pedal.
Não é um defeito do baterista, é apenas o factor do que é bom para mim pode não ser para ti.
Eu gosto bastante dos direct-drive, gosto da sua leveza e ao mesmo tempo da sua reacção, que consegue ser bastante precisa (às vezes até demais e é aqui que muitos não se adaptam).

Se puderes testar primeiro, excelente. Se não puderes, pensa que caso não te adaptes o defeito não é teu, é apenas um sistema que pode não servir para ti.
__________________
Baquetas BateristasPT-Missom
Miguel Martinho não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Seg, 23 de Junho de 2014   #16
enes

 
Membro desde: 8-Fev-2008
Local: esposende/ caracas VEN
Mensagens: 3.911
enes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luzenes é um glorioso foco de luz
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

excelente tema na ajuda ao homen.

para acrescentar um pouco mais, eu tenho um pedal marca branca, cheio de folgas, parafusos ja moidos, chia mais de que um gato, mas e com ele que estou bem, ja me adaptei ha anos....

para contradizerme... vou comprar outra marca branca que nao chia, so para ver... 99 euros ??? venha la a coisa !
__________________
nop... nada... rien... niente... napa de assinatura.
enes não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Sex, 27 de Junho de 2014   #17
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

As vossas opiniões têm-me ajudado muito.

Continuem assim.

Obrigado a todos.
__________________
"Que a música vos companhe!"
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Ter, 5 de Agosto de 2014   #18
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Re: Opinião/Ajuda escolha de pedal.

Olá outra vez.

Estou tentado a aventurar-me com este: http://www.thomann.de/pt/mapex_p800t...uble_pedal.htm

Acho-o bastante robusto, tem muito bom aspecto. Acham que seria um bom investimento?

Tenho sempre a opção de o devolver em 30 dias... hehe

Abraço
__________________
"Que a música vos companhe!"
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Dom, 24 de Agosto de 2014   #19
Miguel Martinho
 
Membro desde: 3-Abr-2006
Local: Bobadela/Lisboa
Mensagens: 7.215
Miguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luzMiguel Martinho é um glorioso foco de luz
Re: Que tipo de pedal (principalmente duplo) devo adquirir para evoluir? Peço opiniões.

Serrinha, esse pedal realmente tem bom aspecto.
Se resolveres arriscar depois partilha a tua opinião.
__________________
Baquetas BateristasPT-Missom
Miguel Martinho não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Não lido Seg, 25 de Agosto de 2014   #20
serrinha
 
Membro desde: 28-Out-2007
Local: Valença
Mensagens: 1.841
serrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em brutoserrinha é uma jóia em bruto
Re: Que tipo de pedal (principalmente duplo) devo adquirir para evoluir? Peço opiniões.

Citação:
Mensagem Original de Miguel Martinho Ver Mensagem
Serrinha, esse pedal realmente tem bom aspecto.
Se resolveres arriscar depois partilha a tua opinião.
Por acaso já o comprei e já o experimentei.

Pode não ser de topo, mas pelo preço parece-me uma muito boa escolha.

Tem uma particularidade, os batentes trazem um peso de 10g e outro de 20g para mudar. Achei interessante, e nota-se a diferença.

Quando puder ponho fotos.

Abraço
__________________
"Que a música vos companhe!"
serrinha não está cá agora...   Citar esta Mensagem
Resposta



Opções

Regras
Aqui não podes criar novos assuntos
Aqui não podes responder a mensagens
Aqui não podes colocar anexos
Aqui não podes editar as tuas mensagens

Código vB está Ligado
Smilies estão Ligados
Código [IMG] está Ligado
Código HTML está Desligado
Escolher Fórum

Assuntos Semelhantes
Assunto Autor do Assunto Fórum Respostas Última Mensagem
PRATOS – Dicas para uma correcta Escolha e Teste João Timbalão Pratos (Cymbals) 43 Sex, 29 de Agosto de 2014 13:13
Se Isto Não é Gozar Com A Cara De Quem Trabalha O Que é Então? LEONEL RODRIGUES Esplanada dos Batucadores (Off Topic) 117 Sex, 16 de Julho de 2010 13:29
[Entrevista] Lars Ulrich - Baterista de Metallica (Set 1999) Leodreammer Bateristas e Percussionistas 32 Ter, 18 de Maio de 2010 01:32
Com que tipo de calçado (sapatos, sapatilhas, etc.) devo tocar no pedal duplo? Bernardo Velhote Debates técnicos (Workshop, Clínica e Masterclasse "virtual") 9 Qua, 10 de Outubro de 2007 02:46
[Biografia] e [Entrevista] Aquiles Priester _TASSE_ Bateristas e Percussionistas 2 Dom, 10 de Junho de 2007 16:04



São agora 14:12. (horário GMT +1)


Design by: vithorius
Copyright ©2001 - 2019, Fórum BateristasPT.com
Powered by vBulletin®
Copyright ©2000 - 2019, Jelsoft Enterprises Ltd.
Gravatar as Default Avatar by 1e2.it